domingo, janeiro 18, 2015

Refeições em 30 minutos, à minha maneira

Já aqui coloquei uma receita de “mac’n’cheese”, o tão americano macarrão com queijo, enriquecido com alguns legumes para que não me sentisse tao culpada de o comer… Mas essa receita dá uma trabalheira e demora uma eternidade a fazer, principalmente quando são 19:30h e se acabou de entrar na cozinha para fazer o jantar! E isso acontece-me com alguma (leia-se muita) frequência.

No entanto, na sua essência, o tal macarrão com queijo é uma ideia de génio e tem um potencial fantástico para se tornar uma refeição daquelas super-rápidas e bem nutritivas. É só adaptar alguns métodos e ajustar os ingredientes. E tem sido tão bem recebido cá em casa, por todos os membros da família (incluindo o Diogo, que demora sempre mais de hora e meia a comer), que tem feito parte do menu quase semanalmente, com ligeiras variações. Como faço o molho na mesma frigideira em que salteio os legumes, é muito rápido, o molho faz-se no mesmo tempo que a massa demora a cozer. Contando com o tempo de gratinar, demora entre 30 e 40 minutos a ficar pronto e na mesa.

Aquilo que aqui vos vou dar é a receita da última massa que fiz, mas em todas as versões que faço há sempre algumas coisas em comum: uso muito pouca carne, normalmente só algum bacon para dar sabor, eventualmente algum resto de carne que tenha de outra refeição (frango assado, por exemplo); uso os legumes que tenho em casa, normalmente pimento, cenoura (ralada ou em rodelas), courgette quando tenho, cogumelos (sempre frescos, mas também se podem usar de lata) se os tiver; quando tenho queijo ralado em casa, ponho queijo por cima, mas não no molho – fica mais apelativo, tem o sabor do queijo onde realmente conta e acaba por ser mais leve. Nunca faço menos do que esta quantidade, mesmo que seja para menos gente: se sobrar, fica óptimo aquecido para o almoço do dia seguinte e é menos uma refeição para cozinhar!

Massa Gratinada com Legumes

Ingredientes (para 5 a 6 pessoas):
250 g de massa a gosto (costumo usar cotovelos grossos, lacinhos, ou outra parecida)
2 c. sopa azeite
200 g bacon
2 cenouras
1 pimento verde médio
1 pimento vermelho médio
1 pacote de espinafres prontos a cozinhar (150g)
½ l leite
1 c. sopa cheia de maizena
200 g queijo mozzarella ralado
Sal e pimenta a gosto

Ligar o forno a 200º. Pôr ao lume uma panela com bastante água (de preferência quente) temperada com sal para cozer a massa. Quando ferver em cachão (fervura forte), deitar a massa e cozer até estar al dente (não deixar cozer demais pois ainda vai ao forno).

Ao mesmo tempo que se aquece a água para a massa, colocar uma frigideira em lume forte, com o azeite. Cortar o bacon em tiras finas e fritar no azeite até estar dourado. Entretanto, descascar e ralar as cenouras, lavar e limpar os pimentos e cortar em cubos. Quando o bacon estiver dourado, juntar as cenouras e os pimentos e deixar saltear cerca de 3 minutos. Reservar um pouco de leite frio e juntar o restante aos legumes na frigideira. Desfazer a maizena no leite frio e quando a mistura na frigideira estiver a ferver, juntar mexendo sempre. Quando engrossar, juntar os espinafres. Mexer bem para distribuir uniformemente e deixar murchar os espinafres. Temperar de sal e pimenta a gosto e retirar do lume. Se estiver demasiado líquido, juntar mais um pouco de maizena desfeita num pouco de água ou leite frios e deixar ferver 2 minutos. Se estiver demasiado grosso, juntar mais um pouco de leite e deixar levantar fervura novamente. O molho deve estar suficientemente grosso para cobrir a colher de pau quando se mexe, mas não deve estar grosso demais para que a massa não fique seca.

Quando a massa estiver cozida, escorrer, voltar a colocar na panela onde cozeu e juntar a mistura de legumes. Mexer bem para misturar uniformemente. Untar com azeite um pyrex (uso um oval com cerca de 20x30 cm e bastante alto), deitar a massa, cobrir com o queijo ralado e levar ao forno a gratinar, cerca de 10 minutos.


Cá em casa, o tempo que a massa demora a gratinar é o suficiente para comermos a sopa, de maneira que quando acabamos, temos a massa pronta a devorar. Normalmente sobra, apesar de sempre repetirmos, o que é óptimo para mim! Como faço sempre isto quando estou com pressa, nunca consigo fotografar…

2 comentários:

Anasbageri disse...

helena,
acho excelente a ideia de se acrescentarem mts vegetais e se cortar na carne. É o que tb fazemos aqui em casa.
Excelente semana para ti.

Helena Mouta disse...

Obrigada pela visita! Um beijinho grande e boa semana!