sexta-feira, maio 20, 2011

Outra Vez Quesadillas...




Restos de frango assado, pouco mais com que o acompanhar e nenhuma vontade de comer salsichas com ovos estrelados e saem umas quesadillas. Felizmente que, nos últimos tempos, há sempre tortillas mexicanas no armário cá em casa. São extremamente versáteis e permitem-me fazer estas pérolas sempre que me apetece.

Desta vez, como só havia courgettes no frigorífico, juntaram-se com um resto de chouriço que sobrou do calvo verde da véspera e fizeram par com o frango, que também não era muito. O queijo foi, mais uma vez, o que havia em casa: o bom e velho flamengo que, afinal, até vai muito bem nestas coisas.

Quesadillas de Frango e Courgette

Ingredientes (para 4 quesadillas):
½ peito de frango assado
1 c. sopa azeite
1 cebola média
50 g chouriço de carne
1 courgette pequena
Folhas de manjericão a gosto
4 fatias grossas de queijo flamengo
8 tortillas de trigo

Preparação:

Desfia-se o frango em pedaços não muito grandes. Corta-se a cebola em meias-luas e o queijo em cubos. Corta-se a courgette em rodelas de cerca de 2 a 3 mm de espessura, e depois cortam-se as rodelas em tiras da mesma grossura. Faz-se o mesmo com o chouriço.

Numa frigideira anti-aderente aquece-se o azeite e deita-se a cebola. Deixa-se refogar em lume forte até começar a dourar. Retira-se a cebola para um prato e deita-se na mesma frigideira o chouriço partido. Deixa-se dourar e largar um pouco da gordura e junta-se a courgette. Deixa-se saltear em lume forte, cerca de 1 minuto, mexendo de vez em quando. Retira-se para o mesmo prato das cebolas, deixando as duas coisas em separado.

Limpa-se a frigideira com papel de cozinha para ficar seca, baixa-se o lume para médio e tosta-se ligeiramente uma tortilha dos dois lados. Repete-se o processo com nova tortilha e, quando se virar para tostar o segundo lado, recheia-se: ¼ da cebola, ¼ da courgette com chouriço, ¼ do frango desfiado e ¼ do queijo. Tapa-se com a tortilla já tostada, cobre-se a frigideira com uma tampa e deixa-se aquecer até que a tortilla que está por baixo fique bem dourada e estaladiça. Com uma espátula grande vira-se e torna-se a tapar a frigideira, deixando tostar do outro lado. Todo este processo demora 3 a 4 minutos, no máximo. Retira-se para uma tábua, corta-se em 4 e coloca-se no prato de servir. Repete-se o processo com as restantes tortillas e o restante recheio.

Notas:

- O manjericão pode ser substituído por outra erva aromática a gosto ou eliminado e o queijo pode ser de outro tipo, em cubos ou ralado, desde que derreta bem e fique em fios;

- A courgette não deve ficar mole, apenas aquecer, mas manter-se crocante. A ideia veio daqui, receita que já fiz várias vezes com algumas variações e sempre resulta lindamente – um dia destes cá a ponho sozinha e em português, só para registar;

- Este é o método tradicional de fazer quesadillas, que eu gosto pouco de usar porque elas ficam prontas uma de cada vez e, como não gosto de desperdiçar energia, não as mantenho quentes no forno. Desta vez foi o que fiz e, para ficarem todas quentinhas no final, as primeiras três levaram um tratamento de microondas de 2 minutos, enquanto a última se fazia. Pode-se fazer usando este método, que uso mais vezes e com excelentes resultados.

2 comentários:

Moira disse...

Gosto muito deste tipo de refeição para o domingo à noite. A primeira vez que fiz foi a partir de uma receita do Jamie Oliver, levam apenas queijo, pimento e coentros.
A partir daí tenho inventado, às vezes uso sobras de frango e também fica bom.
Um beijinho e continuação de bons cozinhados.

se7eluas disse...

Cá em casa fazemos muito e vou usando o que há a jeito. Só me falta experimentar o peixe... Obrigada pela visita!