quarta-feira, julho 18, 2012

Hash


Há algum tempo a Moira, da Tertúlia de Sabores, partilhou na sua página do Facebook um link para o site da Casa do Sal, onde eles diziam oferecer dois exemplares à escolha dos produtos deles a quem tivesse um blog de receitas em Português. Sem a menor esperança de receber alguma coisa, porque o meu blog mal merece esse nome e porque imaginei que deveria haver muitos mais a querer esta deliciosa oferta, lá me inscrevi e escolhi o Sal Picante para Grelhados e a Flor de Sal com Pólen de Abelhas. Há mais ou menos uma semana, chegaram os dois pelo correio.


Fiquei encantada e logo comecei a imaginar como os iria utilizar. A verdade é que este Sal Picante para Grelhados tem servido para tudo cá em casa, desde temperar carne e peixe para grelhar, até estufados ou mesmo uma massa de arroz que usei para fazer uns rolinhos primavera, mas até agora ainda não o tinha usado em nada que me parecesse digno de partilhar. Afinal, qualquer pessoa consegue grelhar uma costeleta…

Mas quando vi esta receita de Bacon Corn Hash, num dos meus blogs preferidos, soube imediatamente que era aqui que este sal ia brilhar, e soube também o que seria o almoço! Quanto ao nome, sinceramente não sei o que lhe chamar senão o original Hash… Se alguém por aí souber como traduzir isto, que me diga. É uma espécie de salteado, normalmente com batatas e algum tipo de carne, mas que pode ser alterado ao gosto de cada um.

Acabei por fazer uma versão muito diferente da original, com mais legumes, que fez um enorme sucesso cá em casa. O sal, apesar de picante, não deixa o prato assim tão picante e até o pequeno cá de casa comeu a parte dele. Aqui vai…


Para 3 pessoas:
150 g bacon inteiro
1 cenoura média
1 courgette média
1 brócolo pequeno
4 a 5 batatas novas pequenas
1 ch. bem cheia de milho
25 a 50 g manteiga
1 c. sopa óleo
3 ou 4 ovos
Sal picante para grelhados
Salsa picada a gosto (usei cerca de 3 c. sopa)

Cortar o bacon em cubos de 0,5 cm. Lavar bem as batatas, esfregando a pele mas sem descascar. Descascar a cenoura e lavar bem a courgette e o brócolo. Separar o brócolo em raminhos pequenos, cortar a cenoura em meias luas finas, a courgette em tiras de 1 cm de lado e as batatas em cubos de 1,5 cm.

Numa frigideira larga anti-aderente, colocar o bacon e levar ao lume. Deixar o bacon fritar na própria gordura até estar bem dourado e estaladiço. Retirar e escorrer em papel de cozinha.

Na mesma frigideira, acrescentar 25 a 50 g de manteiga (depende da quantidade de gordura libertada pelo bacon) e o óleo (para a manteiga não queimar) e deitar as batatas, numa só camada. Temperar com Sal Picante para Grelhados a gosto. Deixar fritar em lume médio alto até estarem douradas de um lado. Mexer e virar, aumentar o lume e deixar fritar até dourar de todos os lados. Retirar e escorrer em papel de cozinha.

Retirar parte da gordura da frigideira para uma tigela, deixando 1 a 2 colheres de sopa na frigideira. Deitar as courgettes, temperar com Sal Picante para Grelhados a gosto, envolver na gordura e deixar em lume bem forte até dourarem. Mexer e deixar dourar, sem que fiquem moles, não mais do que 5 minutos ao todo. Retirar e, se necessário, escorrer em papel absorvente.

Colocar mais 1 colher de sopa da gordura na frigideira e juntar a cenoura e os brócolos. Deixar ficar sem mexer 1 a 2 minutos, e juntar o milho (se for congelado, não é necessário descongelar; se for de lata, escorrer bem). Temperar com Sal Picante para Grelhados a gosto. Mexer e deixar saltear por 3 a 5 minutos. Juntar as courgettes, as batatas e o bacon, mexer bem e deixar aquecer. Polvilhar com salsa picada, envolver, retirar para os pratos ou para uma assadeira.

Na mesma frigideira, juntar mais 1 ou 2 colheres de manteiga, baixar o lume para médio e colocar os ovos. Tapar e deixar estrelar até que estejam a gosto (nós gostamos deles com a gema bem líquida). Colocar os ovos em cima dos legumes e servir imediatamente.

Notas:
- O facto de se fazer tudo na mesma frigideira não é só mais prático, contribui também muito para o sabor, uma vez que o bacon deixa lá muito sabor que, depois, se transfere para os legumes.

- Isto não é fast food: deixar alourar o bacon e as batatas demora tempo, pelo menos 15 a 20 minutos, e a própria preparação dos legumes é demorada (10 a 20 minutos, dependendo da habilidade e prática do cozinheiro). Já os legumes devem cozer pouco, para se manterem crocantes. Demorei cerca de 45 minutos a preparar tudo, de início a fim.

- É importante temperar cada legume na frigideira, caso contrário o parto ficará insosso. Não coloquei muito sal de cada vez, ao todo devo ter usado umas 2 colheres de chá bem cheias, no máximo, mas deve-se temperar a gosto.

- Outra coisa que este prato não é, apesar da quantidade de legumes, é propriamente saudável: tem bacon e manteiga suficientes para eliminar muitos dos benefícios dos legumes. Para o fazer bastante mais saudável, usar azeite em vez de manteiga e eliminar o bacon. Apesar de lhe dar muito sabor, não é essencial, tenho a certeza que sem ele ficaria igualmente bom.

Sem comentários: