quinta-feira, março 03, 2011

Guacamole e Pico de Gallo



Desde que experimentei pela primeira vez Pico de Gallo, fiquei viciada! Uso isto para tudo o que se possa imaginar: para entrada, com chips de tortilla, como acompanhamento de hambúrgueres e das quesadillas, e para fazer guacamole (outra pequena maravilha que descobri há pouco tempo).

E a culpa é da Pioneer Woman. Ou melhor, do blog maravilhoso que ela tem e da receita perfeita que ela lá publicou. Não só a receita é infalível, como ela ainda tem uma explicação passo-a-passo, com fotos, que faz com que qualquer pessoa consiga fazer isto. A única dificuldade é picar os ingredientes à mão, se é que se pode chamar-lhe dificuldade. Dependendo do treino e da faca, poderá demorar um bocadinho. Eu gosto assim, tudo picado à mão, bem fininho, mas pode-se fazer numa picadora. Não recomendo juntar tudo na picadora e pulverizar, é suposto ficar bastante texturado, mas gostos não se discutem, portanto, cada um faz como lhe aprouver!

Estas duas coisas não podem esperar muito tempo: o Pico de Gallo fica com líquido no fundo e começa a ficar melado, e o guacamole oxida (o abacate oxida com muita facilidade). Portanto, é fazer e servir. Se for para servir como entrada faz-se mesmo na hora de servir. Se for para acompanhamento de alguma coisa, não convém fazer muito antes de o que quer que seja estar pronto.

Bom apetite!

Pico de Gallo (adaptado daqui)

3 tomates maduros mas firmes

1 cebola pequena

½ malagueta verde pouco picante

Uma mão cheia de folhas de coentros

Sumo de meia lima

Sal

Picar todos os ingredientes bem pequenos. Juntar tudo numa taça, juntar o sumo de lima e temperar de sal a gosto. Se for para comer com chips de tortilla é melhor pôr menos sal, pois as chips já têm bastante sal, mas não deve ficar insosso.

Guacamole (adaptado daqui)

1 abacate grande maduro

2 a 3 colheres de sopa de pico de gallo

Sumo de meia lima

Sal

Partir o abacate a meio e retirar o caroço. Retirar a polpa e esmagar com um garfo (se o abacate estiver maduro, é fácil fazer isto). Deitar para uma taça e juntar os restantes ingredientes. Temperar com sal a gosto. Mexer bem.

Notas:

- Não sou grande fã de coentros e muitas vezes fiz Pico de Gallo e Guacamole com salsa (posso garantir, portanto, que fica bom), mas aqui os coentros ficam mesmo muito bem: a combinação de sabores é perfeita.

Sem comentários: